terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Projeto de Extensão no Farol de São Thomé


O Projeto de Extensão cujo título, Educação,Saúde e Cidadania: Formação e Atuação de Agentes Multiplicadores de Informação na Prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids atua na Comunidade Vila dos Pescadores em Farol de São Thomé desde abril de 2010.
Este projeto tem a finalidade de sensibilizar a Comunidade referida sobre questões relacionadas à prevenção das DST/AIDS, com a perspectiva de aumentar seu nível de conhecimento, estimulando uma mudança comportamental com relação às práticas sexuais, tendo em vista à redução do índice de contaminação pelo vírus HIV no Município de Campos dos Goytacazes.
Tem como referência a atuação dos agentes multiplicadores na Comunidade do Matadouro, cujo trabalho vem sendo implementado desde 1999, em parceria com o Programa Municipal DST/AIDS de Campos dos Goytacazes. Além de ser um trabalho eminentemente de cunho educativo-preventivo junto à população de adolescentes, jovens e adultos da referida comunidade em Campos dos Goytacazes, irterfaceando o eixo educação e saúde.
É importante destacar que este projeto visa a interação e a construção de conhecimentos entre o saber acadêmico e o saber popular, num caminho de mão-dupla.
A comunidade Vila dos Pescadores foi escolhida para ampliar o enfoque extensionista da UENF na área de prevenção das doenças sexualmente transmissíveis, pois apresenta uma amostragem significativa de casos recentes do vírus HIV, dados epidemiológicos obtidos pelo Programa Municipal DST/AIDS; a população tem baixo grau de escolaridade; qualidade de vida precária e baixa renda familiar.
Com o advento do Complexo do Açu e do Estaleiro da Barra do Furado, localizados no entorno do distrito de Farol de São Tomé, a população torna-se cada vez mais vulnerável às doenças, drogas, prostituição e violência de um modo geral, com maior impacto nas comunidades mais empobrecidas, como a Vila dos Pescadores.
A primeira etapa da pesquisa foi conhecer a realidade da Comunidade analisando vários aspectos: fator sócioeconômico, grau de escolaridade, relação de gênero, acesso aos serviços de saúde, crenças, mitos e o nível de informação sobre as DSTs e AIDS.
Em 2011, pretende-se capacitar jovens e adolescentes em agentes multiplicadores de informação em DST/AIDS para elevar o nível de conhecimento da população. e implantar um banco de preservativos na Vila dos Pescadores para os próprios moradores.

9 comentários:

  1. We selected you for closed testing on our project
    http://extra7xiscount6acnadian10price.tumblr.com/?s28xs?r.lol


    *crazy*

    ..



    69
    Our page on Facebook : http://facebook.com/
    Follow us on Twitter : http://twitter.com/

    ResponderExcluir
  2. Isso é faltar com o respeito com um trabalho sério e compromissado. Precisa aprender muito. É uma pena!!!

    ResponderExcluir
  3. Maria Helena-Assistente Social16 de maio de 2012 16:25

    O banco de preservativos da Universidade está adotando uma nova metodologia na entrega dos preservativos.Semanalmente estão sendo disponibilizados preservativos nos banheiros masculinos e femininos de todos os Centros da UENF.
    A adoção dessa metodologia tem facilitado maior acesso de funcionários e alunos ao referido insumo.
    Espera-se que cada vez mais pessoas usem o preservativo como medida de proteção em relação às doenças sexualmente transmissíveis e HIV/AIDS.

    ResponderExcluir
  4. Muito importante informações com estas, um trabalho muito sério que é realizado na Uenf pela equipe do Serviço Social-CCH.

    ResponderExcluir
  5. Sou uma pessoa interessada no assunto. Como posso me dedicar mais?

    ResponderExcluir
  6. Favor procurar o setor de Serviço Social/CCH e agendar um horário com a equipe de do projeto.

    ResponderExcluir
  7. FORMAÇÃO DE MULTIPLICADORES EM FAROL DE SÃO TOMÉ
    Terá início amanhã a capacitação para formação de multiplicadores de informação em DST/AIDS no Farol de São Tomé, com a participação de jovens da Colônia de Pescadores que estudam na rede pública.Serão discutidos temas diversificados, como gênero/diversidade sexual, raça/etnia,sexualidade na adolescência/prevenção da gravidez e doenças, drogas e ao final dos 3 encontros serão elaborados projetos pelos participantes, os quais serão implementados no distrito de Farol.Receberão certficados e serão agentes multiplicadores.

    ResponderExcluir
  8. Nos dias 01 e 02 de agosto de 2012 foi realizada capacitação para formação de multiplicadores na prevenção das DST/AIDS para os profissionais de educação da Escola Agrícola Antônio Sarlo. Foram 30 profissionais que interagiram com os temas abordados com grande sucesso.Esse conteúdo será transformado em projetos que serão implementados na referida unidade escolar com alunos e outros segmentos da escola.

    ResponderExcluir
  9. NOVA CAPACITAÇÃO
    Está prevista para setembro a capacitação para multiplicadores de informação em DST/AIDS para comunidades, a qual será realizada na UENF. As datas serão definidas mais adiante.Aguardem!

    ResponderExcluir